Funil de vendas: o que é isso?

Funil de vendas: o que é isso?

O funil de vendas é uma parte essencial de qualquer estratégia de Inbound Marketing ou Marketing Digital. Isso ocorre porque é a partir do funil que se define o fluxo e tipo de conteúdo que o público-alvo deverá receber para converter a publicidade em venda. Quer saber como tudo isso acontece? Continue a leitura.

Como funciona o funil de vendas?

O funil de vendas, também conhecido por alguns como pipeline, divide-se em três partes: topo, meio e fundo. Assim, em cada ação de uma estratégia de marketing digital, deve-se escolher uma das etapas do funil de vendas para focar o modo como ela será desenvolvida. Entenda como ocorre cada uma das etapas:

Topo do Funil

Também chamada de consciência, o topo é a parte mais larga do funil de vendas. Nessa etapa, o público-alvo ainda não está consciente de que necessita do produto ou serviço que você está vendendo. Portanto, o conteúdo dos textos e peças publicitárias desenvolvidas deve ser mais genérico, trazendo assuntos que sejam de interesse do público buscado, fazendo com que essas pessoas conheçam a empresa e possam se tornar consumidores dos serviços ou produtos nos tempos seguintes.

Meio do Funil

O meio do funil é a etapa onde as pessoas já descobriram que têm um problema ou demanda que podem ser supridos. É nessa fase que os consumidores pesquisam e buscam mais informações sobre produtos que podem solucionar os seus problemas, porém ainda têm dúvida se devem ou não comprá-los.

Portanto, o conteúdo das ações de marketing deve conter informações ricas e esclarecedoras, para que as pessoas se decidam por comprar na sua empresa e não em um concorrente.

Fundo do Funil

Na última etapa do funil, chamada de fundo, a pessoa está prestes a fechar negócio com uma determinada empresa. Por isso, o material desenvolvido nas campanhas deve fortalecer as vantagens que ela irá obter ao adquirir os seus serviços os produtos.

Entendeu como funciona o processo do funil de vendas no marketing digital? Essas ações podem ser aplicadas em todos os processos comunicacionais da empresa na internet, como na gestão de blogs e mídias sociais.